Páginas

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Aviso: Post grande de alguém que ficou vários dias sem postar porque é babaca (P.s.: Título grande também)

Oi. Quanto tempo. Obrigada a todas que notaram minha ausência e desculpa por me ausentar. Às vezes eu simplesmente não consigo escrever. Vou fazer aquele resumo sobre meus dias.

Dia 6: Depois que postei aqui, eu comi mais e mais e mais e chorei mais e mais e mais.

Dia 7: Fui na casa de uma amiga minha com minhas outras amigas, eu comi pra caramba, dancei just dance e brinquei com a cadelinha dela (um amorzinho). Fiquei feliz esse dia. Foi bom estar com elas. Bloqueei meu ex do facebook, twitter e exclui os números dele e da família dele do meu celular, assim como as fotos que eu ainda tinha no celular.

Dia 8: Percebi que não adiantava bloquear ele das redes sociais se ele não estava bloqueado da minha cabeça. Desbloqueei tudo e pedi desculpa por ser impulsiva e idiota. Fazer tudo isso tornaria ele especial e pra eu esquecê-lo, ele tinha que ser apenas mais um. O resto do dia acho que eu só fiquei em casa me enchendo de comida mesmo.

Dia 9: Fui no médico com minha mãe e minha irmã, comi comida japonesa, doce, e um combo do Burger King. Comi pra caralho. Chorei nesse dia.

Dia 10: Levei minha irmã pra fazer recuperação. Acabei encontrando-o lá. Ele também tinha recuperação. Dei apenas um "Oi. Tudo bom?" como fiz com todos os conhecidos. Chorei muito a tarde enquanto tomava chuva. Me cortei. Apenas 2 cortes. Quis mais. Um cara se matou na rua de casa. Talvez minha família de mude pra casa onde ele se matou hu3. Assisti "Garota, Interrompida", um amorzinho de filme <3.

Dia 11: Psiquiatra de manhã. Ela dobrou minha dose de praxetina. Churras da turma a tarde. Descobrimos que nosso professor de história foi demitido e talvez nossa professora de gramática fosse ser demitida também. Comi comi e comi. Bebi caipirinha. Fumei 6 cigarros (nem sei o porquê). Fumei uns baseado, mas como foi a primeira vez, eu não chapei (dizem que ou você chapa demais ou nem chapa na primeira vez), fiquei frustrada com isso. As pessoas ficaram bêbadas, engraçadas e tristes. Apesar disso, foi ótimo estar com todos. Amo as pessoas da minha sala e a maioria dos meu professores. Chorei esse dia, de tristeza e de alegria, e dos dois ao mesmo tempo.
- Hora que meu professor de história estava indo embora porque tinha um compromisso, fui me despedir dele (eu nem ia chorar, nem nada, naquele momento porque eu estava abalada, mas não pra chorar), então ele me abraçou e disse "Ai, A., você sabe que eu te amo, né? Você é linda." Não consegui não chorar, foi demais pra mim. Uma pessoa linda esse cara, e um ótimo professor.

Dia 12: Fui levar minha irmã pra ela ver a nota dela na recuperação. Comi um sorvete de chocotone, nem sei quantas calorias tinha aquilo. Falei pro meu ex que minha menstruação estava atrasada só pra rir um pouco, e acreditem, foi engraçado.

Dia 13: Fiquei em casa o dia inteiro, só saí pra comprar meu remédio e pra comprar temaki.

Dia 14: Primeiro dia da segunda fase da vunesp, deixei algumas sem responder, zerei física (sou uma jumenta mesmo, acontece), mas foda-se, na boa, não estava nem um pouco afim de fazer aquela prova. Cheguei em casa e tentei me esquentar, me enrolei no edredom e demorei 1 hora pra ficar quente. Não chorei. Não tive vontade de falar com ele, pela primeira vez desde que terminamos.

Dia 15: Ou seja, hoje. Segundo dia da prova da vunesp. Estava mais fácil que ontem. Fiz todas. O tema da redação era bem simples, "O legado da escravidão e o preconceito contra negros no Brasil". Eu parei enquanto fazia a redação, olhei ao meu redor e vi um monte de brancos e uns 6 pardos (contando comigo) dissertando sobre o preconceito contra negros, foi triste. Ele me mandou um vídeo (este --> "https://www.youtube.com/watch?v=IbJXM_30I5w&list=UUEWHPFNilsT0IfQfutVzsag&index=7 ) e disse que o cara do vídeo parecia com ele, me falaram que foi uma indireta, eu não sei se foi. De qualquer forma, ao mesmo tempo que quero voltar com ele, não quero, e acho que essa possibilidade não existe por parte dele também. Não chorei hoje. Não estou me sentindo mal, nem bem também, mas já é um avanço.

Última pesagem (Hoje): 45,9 kg *-* Mas estou me sentindo enorme, parece que eu inchei, sei lá, vou tentar comer menos amanhã. Não contei calorias durante todos esses dias :C

Eu vi que tem vários comentários que eu ainda não respondi, de madrugada eu leio com calma e respondo com atenção. Também vou entrar nos blogs de vocês e dar uma olhada nas últimas postagens pra ver como anda a vida.

Boa Semana, pessoas. Beijinhos <3


sábado, 6 de dezembro de 2014

46

Desejando que tivesse sido um sonho ruim, eu abro os olhos, acordo. Não, não foi um sonho ruim. Os porta-retratos com nossas fotos estão virados. Me desmancho em lágrimas, eu não queria que acabasse, mas ele não me amava mais, tinha que acabar. Minha mãe vai falar comigo, tento descontrair pra ficar bem. Funciona. Checo o blog, o facebook e o twitter. É verdade. Acabou mesmo. Tem uma mancha daquelas que ficam quando a gente assoa muito o nariz em entre meu nariz e minha boca, proveniente do tanto que chorei. Vou chorar mais, eu sei. Eu ainda amo aquele desgraçadinho, e não posso culpá-lo por ele não me amar mais e querer estar com outras pessoas. Ficar comigo dói, e eu sei bem disso, e eu não aguentava mais as coisas como estavam, estava nos fazendo mal. Ele aguentou bem.

Comi 1 pão de queijo e tomei um copo de suco de manga, meio cachorro quente e 200 ml de refrigerante. Me pesei, 46 kg. Comi pipoca, um bauru e tomei suco de laranja, teria tomado sorvete porque eu queria muito, mas já estava passando mal de ter comido tanta coisa, e não ia caber.

Sou uma moça de 46 kg, talvez mais depois do bauru e do suco, mas ainda são 16:15 e eu posso compensar comendo só uma maçã quando der 19:00 e mais nada. As pessoas estão enchendo meu saco, falam que eu estou magra demais, feia e esquisita. Minha irmã me zoou, falando que ele me largou porque eu estou um palito. Quero que se foda, de verdade. Eu vou emagrecer mais. Não é apenas pelo meu corpo, mas é por ver números a menos na balança e sentir que eu fiz algo certo e útil ao menos uma vez, é por ver um sentido em algo, um motivo pra fazer as coisas.

Não consigo evitar, sou fascinada por números, eles me fazem bem, mas também me fazem mal.

O alfabeto tem 26 letras, que formam uma infinidade de palavras. Não sei quantas palavras ele usou pra falar que não me amava mais, acho que ele enrolou demais, não queria me magoar. Eu só não queria que ele tivesse demorado tanto, tivesse falado logo. Não fiquei surpresa, mas fiquei. Eu nunca sei de nada. Nunca.

1 ano, 7 meses e 4 dias. Valeu a pena.

Não me sinto

46,5 kg

Não consegui seguir muito bem meu planinho. Fiz 1 hora de caminhada só, não fiz os abdominais e não tomei o chá verde. Quanto a comida, não consegui comer a maçã, aí antes de sair às 19:00, tinha comido 295 kcal, mas me obrigaram a comer torta de frango, comi um pedaço, mas deixei um pouco, falei que estava com dor, tomei suco de uva light, e chegando em casa, não resisti e tomei um copo de suco de manga, mas acho que, no total, hoje, não passei de 850 kcal.

Meu namoro acabou. Foi uma decisão nossa. Ele estava enrolando, eu andei pensando e não aguentava mais as coisas do jeito que estavam. Ele pediu desculpa por não poder me amar pra sempre, por ter mentido quando disse que ia ser pra sempre. Eu disse que sabia, nada dura pra sempre, e eu não crio grandes expectativas com as coisas pra não ficar triste, e se fosse pra ele ficar se forçando a gostar de mim, era melhor terminar, porque, forçando-se a gostar de mim, ele prejudicava nós dois. Eu disse que se ele me amasse, a gente poderia tentar mudar as coisas, mas se não realmente não estava rolando mais, era melhor dar um tempo ou terminar. Estávamos com medo.

Não esperava que fosse acabar hoje. A gente conversou e chorou a noite toda. Ele me pediu desculpas e agradeceu. Eu disse pra ele não pedir desculpas e também agradeci. Não me sinto feliz com isso. Não me sinto triste com isso. Não me sinto. Ainda somos amigos, acho que isso é bom, mas sei que amizades assim são estranhas.



quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Resumo desde a última postagem

48 horas sem falar com o namorado, ele não me ligou, nem mandou mensagem, eu também não o fiz, até que ele chegou e falou "não fala mais comigo? :C" no chat, aí eu disse "falo, é que eu fiquei esperando você falar comigo, você não falou, eu não falei, e achei que seria bom ficarmos sem se falar um tempo pra termos assunto do fim de semana".

Trufa ontem - sou uma nojenta.

46,6 kg ontem.

46,6 kg hoje.

Psicóloga que resume minhas frustrações, visão de mundo e perspectivas de vida a uma fase da vida, a de descobrir as coisas, e se indagar, eu até disse que todos os adultos que conheço estão tão enjoados quanto eu e eu não quero ficar assim, e que se isso é uma fase, estou nela há uns 4 anos, mas acho que ela pulou essa parte, porque toda maldita consulta, ela fala "você não sente o sabor das coisas, faz tudo muito rápido, está na fase de descobrir" FASE FASE FASE

Compulsão hoje - cerca de 2000 kcal - não miei - vou engordar - mereço isso - sou uma porca estúpida, babaca e nojenta.

COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO COMPULSÃO

Gente, não sei se comentei, mas eu como normal, cerca de 1000 kcal por dia, não consigo comer menos que isso, se eu comer menos, eu fico louca e ataco doces depois, mas hoje eu passei dos limites, estou me sentindo muito pesada.

Portanto, planos para amanhã:

500 ml de chá verde com limão (eu detesto chá verde)
9:30 - Café da manhã: 1 iogurte (85)
Caminhada intercalada com corrida: 2 horas
150 abdominais
12:30 - Almoço: 1 mamão papaya pequeno (120)
15:30 - Café da tarde: 1 maçã (70) 
18:30 - Janta: 1 pêssego pequeno (45) e 2 bolachas de água e sal (45)
---------------------------------TOTAL: 365 kcal

A noite vou na casa do meu namorado ou dos amigos dele, eles sempre pedem coisas gordurosas, vou tentar falar que estou mal e ficar só no suco, ele provavelmente vai ficar bravo comigo, aí qualquer coisa, eu dou uma beliscadinha em algo, mas falo que estou com cólica, e que piora se eu comer mais.

Boa noite, gente. Não sejam essa bosta ambulante como eu. Bjinhos <3



quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Tá ruim

Olá, pessoas. Como estão?

Bom, faz um tempinho considerável que não venho aqui. Eu entrei quase todos os dias, mas sempre ficava enrolando sem saber o que escrever, e aí, minha mãe chegava e tinha que fechar a aba anônima porque esse blog não deve ser visto nunca por ela.

Sobre a escola: Tirei 5,8 naquela maldita prova de história e pedi pro professor me deixar de rec, a rec é hoje daqui umas 3,5 horas e eu ainda não estudei. Mas, estou praticamente de férias, faltei todos os dias essa semana e vou faltar amanhã e depois, e então, estou oficialmente de férias e nem posso descrever o quão boa é essa sensação. ADEUS, INFERNO!

Sobre mim e meu namorado: Tá chato. A gente, não sei, não tá rolando, e nós dois concordamos, mas temos medo, a gente se acomodou um ao outro, e eu sei que ainda o amo, que outra explicação tem pra eu querer falar com ele, acordar pensando nele, sorrir pensando nele, dormir pensando nele, não tem outra explicação, eu o amo, mas sempre que a gente está junto, é chato, a gente não tem assunto, e aí, nossas conversas vão pra um lado bad, tava tudo muito monótono, uma rotina chata de escola durante a semana, casa dele na sexta, sábado e domingo, onde a gente fica deitado na cama o dia inteiro, ele dorme e eu fico assistindo televisão. Talvez seja falta de sexo, sei lá hahaha. Minha mãe não sabe que eu transo, na verdade, no fundo, ela sabe, porque, poxa, a gente namora há mais de 1 ano e meio, mas eu não oficializei isso contando pra ela, porque foi em casa enquanto ela não estava e também na casa dele, enquanto os pais dele não estavam, e eu não quero falar isso pra ela. Enfim, ontem a gente transou, foi bom, mas depois, não sei, algo mudou entre a gente, e a gente não sabe o que. Chorei de novo com ele domingo, ele também queria chorar, mas graças ao início do ano passado, ele chorou tanto que não consegue mais - não namorava ele ainda, foi quando nos tornamos amigos -. Espero que a gente consiga resolver as coisas nas férias.

Sobre a Ana: Ontem meu namorado disse que daqui a pouco ele ia conseguir tocar xilofone nas minhas costelas <3. Eu fico oscilando, às vezes como muito, às vezes como pouco, mas tenho caminhado e acho que isso tem me auxiliado a não engordar, apesar de comer torta, cookies com chocolate e tomar refrigerante. Durante o tempo que fiquei longe daqui, meu peso oscilou entre 46,4 kg e 47,3 kg, mas vou falar o mais recente, de ontem, às 16:25, 46,9 kg. Não sei se estou feliz ou triste com esse peso, não sei nem o que estou sentindo, eu to meio perdida na vida, pra falar a verdade.

Estou assistindo Skins. Eu amo essa série, apesar de se parecer com uma malhação mais hardcore hahahaha. Estou terminando a terceira geração, e acho que depois da primeira, vai ser a que eu mais gostei, mas eu adoro todas <3

Esses dias eu assisti Donnie Darko e fiquei bugada por dois dias tentando entender aquele filme, a coisa da volta no tempo e do paradoxo. Assisti Laranja Mecânica também, mesma coisa, mas tenho certeza que tem uma explicação "sociopsicofilosófica" muito foda para as minhas dúvidas todas sobre aquele filme. Eu adoro filmes que me bugam, apesar do mindfuck tenso hahahaha.

Estou tomando praxetina, ainda não sei o que dizer sobre isso.

Acho que vou perder a vergonha e tentar vender doce na rua, sério, gente, preciso de dinheiro, PRECISO MUITO DE DINHEIRO.

Alguém assistiu o Victoria's Secret Fashion Show ontem? Eu ia ver porque aquelas magrelas me fazem sentir uma bosta e me dão força pra tentar ser melhor, mas dormi 20:00 mesmo.

Estou querendo mudar o blog, o design, enjoei dele assim já, é uma boa hora pra eu tentar aprender a mexer com HTML.

Tirei umas fotos hoje, essas:


E agora, pra vocês não morrerem de desgosto, Izabel Goulart, sempre maravilhosa e magrela <3


Nossa, ficou um monte de informação jogada no post. Mas é isso o que acontece quando se fica muito tempo longe. Força, meninxs. Beijos ^-^